top of page

Para ganhar a confiança dos colaboradores, os líderes têm de priorizar três factores-chave

Para conseguir uma força de trabalho saudável e produtiva, é preciso confiança.



Clareza

Clareza significa ser claro nas expectativas, necessidades, objectivos e cronogramas. Frequentemente, os gestores esperam que a sua equipa “adivinhe” as suas expectativas. Não querem pensar no que é necessário ou não gostam de ter de pedir às pessoas que façam coisas. Acontece que só é possível realizar uma tarefa com confiança se primeiro entendermos que tarefa é. Da mesma forma, se a tarefa precisar de ser concluída num prazo específico ou de uma determinada forma, isso também deverá ser comunicado.

Infelizmente, de acordo com a Gallup, apenas metade dos trabalhadores tem perfeita noção do que se espera deles no trabalho.⁠ Para piorar a situação, são ainda menos os gestores a afirmar que sabem o que se espera deles.

É possível os líderes evitarem conflitos no futuro se construírem uma sensação de segurança com a sua equipa, comunicando as expectativas com clareza.


Consistência

Todos os trabalhadores devem ser tratados de igual forma. Não é possível construir confiança numa equipa se for dado tratamento preferencial a um colaborador em detrimento de outros. Para criar um sentimento de confiança na equipa, as regras devem ser aplicadas de forma clara e universal. Podemos (e devemos) ainda demonstrar flexibilidade, mas temos de ser claros sobre quais são as excepções à regra, e essas excepções também devem ser aplicadas igualmente.


Flexibilidade

Finalmente, a confiança também depende da escolha. As pessoas precisam de ter alguma autonomia sobre as decisões que afectam as suas vidas. Uma abordagem do género “à minha maneira”, sem explicações ou flexibilidade está, em última análise, condenada ao fracasso.

Assim, sempre que possível, considere se determinada regra é necessária ou se pode permitir que as pessoas escolham por si mesmas. É possível os seus colaboradores escolherem os dias de trabalho no escritório? Ou pelo menos um deles? E quanto ao horário de trabalho? A equipa poderá votar no melhor dia e horário para a reunião de equipa? Se atribuir três tarefas a um determinado colaborador, pode deixá-lo decidir a ordem em que serão executadas? Pode dar aos membros da equipa alguma liberdade para explorarem projectos do seu interesse?


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page